O PAPEL DA FAMÍLIA NO PROCESSO EDUCATIVO É TEMA DO SEGUNDO WEBINAR DA SÉRIE ESPECIAL SOBRE A C F2022, NESTA QUARTA-FEIRA (06)

A Comissão para Cultura e Educação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) realiza nesta quarta-feira, 6 de março, às 15h, o segundo webinar da série especial sobre a Campanha da Fraternidade 2022, que este ano tem como tema ‘Fraternidade e Educação’ e o Lema: ‘Fala com sabedoria, ensina com amor’.

“O papel da família no processo educativo” é o tema desse segundo webinar e vai contar com a participação do bispo de Rio Grande (RS) e presidente da Comissão para a Vida e a Família da CNBB, dom Ricardo Hoepers, e a professora doutora em educação (UFMG) e diretora institucional do Colégio Santo Agostinho, Aleluia Heringer Lisboa.

A mediação será feita pelo padre Crispim Guimarães, assessor da Comissão para a Vida e Família. A transmissão será, às 15h, pelo canal da CNBB no Youtube.

 

Webinars CF 2022

O especial de reflexão sobre a educação contará com quatro webinars às quartas-feiras, às 15h, no canal da CNBB no Youtube. A proposta é dar visibilidade às temáticas propostas pelo texto-base da CF, que traz em sua justificativa “que se trata de uma campanha que, mais do que abordar outro aspecto específico da problemática educacional, vai refletir sobre os fundamentos do ato de educar na perspectiva católico-cristã”.

De acordo com o documento, nessa perspectiva, a educação é compreendida não apenas com um ato escolar, com transmissão de conteúdo ou preparação técnica para o mundo do trabalho, mas de um processo que envolve uma “comunidade” ampliada que inclui todos os atores (família, Igreja, Estado e sociedade).

Na primeira edição do webinar da CF 2022, dia 30 de março,  o assessor do Setor Educação da Comissão de Cultura e Educação da CNBB, padre Júlio Cesar Resende, recebeu o doutor em educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), diácono Márcio Azevedo e a Irmã Claudia Chesini, do Conselho Superior da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (ANEC). A reflexão girou em torno da  temática ‘A concepção de educação que nasce da Igreja e do Pacto Global pela Educação – cristã, humanista e solidária’.

A CF 2022

Essa é a terceira vez que a temática da educação será abordada na Campanha da Fraternidade. O tema já foi objeto de reflexão e ação eclesial em 1982 e 1998. De acordo com a introdução do texto-base, foi “a realidade de nossos dias que fez com que o tema educação recebesse destaque, um tempo marcado pela pandemia da Covid-19 e por diversos conflitos, distanciamentos e polarizações”.

A CF 2022 é impulsionada pelo Pacto Educativo Global, convocado pelo Papa Francisco. Na carta convocação ao Pacto, o Santo Padre apresenta elementos constitutivos de uma educação humanizada que contribua na formação de pessoas abertas, integradas e interligadas, que também sejam capazes de cuidar da casa comum já que a “educação será ineficaz e os seus esforços estéreis se não se preocupar também em difundir um novo modelo relativo ao ser humano, à vida, à sociedade e à relação com a natureza”, conforme explicitado na Encíclica Laudato Si’, 2016, nº 215.

Programação:

Webinar 2: O papel da família no processo educativo
Data: 06/4 – 15h
Participação: dom Ricardo Hoepers, bispo de Rio Grande (RS) e presidente da Comissão Episcopal para a Vida e a Família da CNBB e Aleluia Heringer Lisboa, professora, doutora em educação (UFMG) e diretora institucional do Colégio Santo Agostinho
Mediação: padre Crispim Guimarães, assessor da Comissão Episcopal para a Vida e a Família da CNBB

Webinar 3: O papel da Igreja no mundo da Educação
Data: 13/4 – 15h
Participação: Gregory Rial, gerente da Câmara de Ensino Superior da ANEC e Silvana Sá, professora e Reitora da Universidade Católica do Salvador (UCSAL)
Mediação: padre Eduardo Rocha, assessor do Setor Ensino Religioso da Comissão Episcopal Pastoral para Cultura e Educação da CNBB

Webinar 4: Desafios da Educação no Brasil (O papel da sociedade e do Estado no processo educativo)
Data: 25/04 – 15h
Participação: Everthon Oliveira, professor e presidente da Sociedade Brasileira de Cientistas Católicos (SBCC) e Ladyanne Souza, professora e Coordenadora da Pastoral da Educação do Regional Norte 2 da CNBB
Mediação: padre Danilo Pinto, assessor da Comissão Episcopal Pastoral para Cultura e Educação da CNBB

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários