Representantes de onze regionais fazem encontros simultâneos de articulação em Manaus

Entre os dias 07 e 10 de setembro foi realizado na Faculdade La Salle, em Manaus, o IV Encontro Brasileiro de Universitários Cristãos. O evento, que reuniu estudantes, professores, agentes de pastoral e demais atores da evangelização no ambiente universitário contou com a presença de representantes de 11 dos 18 Regionais da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.

Os Regionais da CNBB, que atualmente são 18 e reúnem 276 dioceses no país, são estruturas que foram criadas para articular a ação evangelizadora nas (arqui)dioceses da Igreja no Brasil, compostos por um ou mais estados.

Dentre os aproximadamente 300 participantes do IV EBRUC, estiveram presentes representantes dos regionais Norte 1 (Amazonas e Roraima), Norte 2 (Pará e Amapá), Nordeste 1 (Ceará), Nordeste 3 (Bahia e Sergipe), Noroeste (Acre, sul do Amazonas e Rondônia), Leste 1 (Rio de Janeiro), Leste 2 (Espírito Santo e Minas Gerais), Sul 1 (São Paulo), Sul 2 (Paraná), Sul 4 (Santa Catarina) e Centro-Oeste (Distrito Federal e Goiás).

A fim de contemplar essa presença expressiva dos Regionais, a programação do evento contou com um encontro dos representantes desses Regionais na manhã do dia 09 de setembro. Na oportunidade, os grupos refletiram sobre as estratégias que já foram desenvolvidas pela Pastoral Universitária no ambiente acadêmico em âmbito regional, bem como apontaram novas ações que podem ser adotadas para contribuir com a articulação da PU nos regionais.

As reflexões apresentadas pelos grupos apontaram para o crescente movimento em torno do fortalecimento da articulação da Pastoral Universitária nos regionais, com a identificação de lideranças, mapeamento de projetos, realização de Encontros e Congressos Regionais. Além disso, teve destaque nesses processos de articulação a presença de outras forças da ação evangelizadora no ambiente universitário além das Pastorais Universitárias diocesanas, consistente nos Movimentos católicos, nas instituições de ensino superior confessionais e em outros organismos, a exemplo da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (ANEC).

Segundo Dom João Justino de Medeiros Silva, presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Cultura e Educação da CNBB, que também participou do evento, “nenhuma ação do Setor Universidades pode dispensar o encontro, o diálogo e o planejamento dos agentes evangelizadores”.

Dentro dessa perspectiva foi que os representantes dos 11 Regionais, reunidos simultaneamente, traçaram algumas estratégias específicas às suas respectivas realidades. Foi o caso do Regional Norte 1, composto pelos estados do Amazonas e Roraima, que entendeu que a sua articulação não passa pela geografia das dioceses, mas pelos polos universitários presentes no Regional, e realizou a eleição dos seus representantes.

Por sua vez, os Regionais Nordeste 1 (Ceará) e 3 (Bahia e Sergipe) propuseram que a Pastoral Universitária tenha um espaço nos assembleias dos bispos dos seus respectivos Regionais para que estes conheçam mais de perto a pastoral e sua missão e ajudem a suscitar esse trabalho nas dioceses em que a PU ainda não está estruturada. Além disso, foi apresentada a sugestão de inclusão do estágio pastoral com Pastoral Universitária na formação dos seminaristas como uma maneira de trabalhar a formação daqueles que virão a ser os assistentes eclesiásticos desses grupos.

O Regional Sul 1, que corresponde ao estado de São Paulo, possui duas frentes de coordenação a fim de facilitar a sua articulação: capital e interior do estado. Marcado pelas ações missionárias, esse Regional tem como proposta o fortalecimento das experiências missionárias, convidando os demais coordenadores diocesanos para conhecê-las, produzindo materiais temáticos das ações, promovendo a interação nas redes sociais.

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *