CNBB lança novo estudo “Setor Universidades da Igreja no Brasil: Identidade e Missão”

Com a temática “Setor Universidades da Igreja no Brasil: Identidade e Missão”, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) apresenta o Estudo 112 que é fruto do trabalho dos doze anos de existência do Setor Universidades na Conferência.

O estudo traz um compilado dos critérios para os diversos trabalhos pastorais desenvolvidos pelas diversas expressões eclesiais, no âmbito universitário brasileiro e envolveu representantes das Instituições de Educação Superior (IES; IES Católicas). Associação Nacional de Educação Católica (ANEC); Movimentos, Congregações e Comunidades Novas; Capelanias e Paróquias Universitárias nas Arqui/Diocese e Regionais.

Dom João Justino de Medeiros. Foto: Matheus Oliveira/CNBB

De acordo com o arcebispo de Montes Claros (MG) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Cultura e Educação da CNBB, dom João Justino de Medeiros, esse material é resultado de um ano de trabalho construído a partir de metodologia sinodal.

“Os representantes foram distribuídos nas Comissões de Sistematização e de Pareceres e desenvolveram o trabalho entre os meses de fevereiro de 2018 e janeiro de 2019. O texto foi construído e discutido em três etapas de trabalho antes de ser aprovado pelo Conselho Episcopal Pastoral (Consep) e pelo Conselho Permanente da CNBB”, destaca.

Ainda segundo Dom João, o Estudo apresenta os princípios orientadores comuns sobre a identidade da ação evangelizadora na universidade (espiritualidade, reflexão e socioeducação); os objetivos e as perspectivas para o trabalho pastoral no âmbito acadêmico, bem como critérios para a formação e a articulação dos agentes e dispositivos pastorais nos diferentes cenários.

De acordo com Dom João Justino, inicialmente, este material foi pensado para ser uma atualização do Estudo 102: O Seguimento de Jesus e a Ação Evangelizadora no Ambiente Universitário. No entanto, como houve avanços na reflexão, sobretudo no que se refere ao ministério de Paulo como chave de leitura para a missionariedade no âmbito universitário, ao aprofundamento da identidade dos eixos da ação evangelizadora, aos critérios para atuação nos ambientes de cultura e saber e a organização do Setor Universidades ficou decidido produzir um outro documento.

Segundo o Pe. Danilo Pinto, assessor do Setor Universidades (SU) da CNBB e do SU no Depto. de Cultura e Educação do CELAM, “estamos em negociação com o departamento de Cultura e Educação do Conselho Episcopal Latino-Americano (CELAM), que se propôs traduzir o material para o espanhol para subsidiar as outras 25 Conferências Episcopais da América Latina, neste âmbito”.

O Estudo 112 está disponível nas Edições CNBB: www.edicoescnbb.com.br

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *